Antes de dar início ao texto propriamente dito, preciso, antes, mostrar como as Zonas Azuis foram descobertas.

 

Primeiro, veio o Estudo dos Gêmeos Dinamarqueses, onde 2.872 gêmeos foram estudados. Sabe-se que os gêmeos compartilham dos mesmos genes, então o estudo, em termos básicos, buscava entender como alguns gêmeos viviam mais do que seus semelhantes genéticos. No fim, chegou-se à conclusão de que a longevidade baseia-se apenas 10% nos genes, e 90% no estilo de vida.

 

Baseados nessa premissa, uma equipe de pesquisadores, entre eles, médicos, antropólogos, cientistas, começaram uma pesquisa com o intuito de encontrar o que posteriormente chamaram de Blue Zones (Zonas Azuis).

 

As Zonas Azuis são as cinco regiões do planeta onde se vive com um estilo de vida excepcional, cujos habitantes de mais de 105  anos parecem ter 70.

 

O principal responsável pelo Blue Zones Project, Dan Buettner : http://i.ytimg.com/vi/waGHi6aMzh8/maxresdefault.jpg

 

Os pesquisadores estudaram detalhadamente o que essas pessoas faziam e principalmente, o que elas tinham em comum, apesar de culturas e regiões completamente diferentes, para terem uma vida além dos 100 anos com saúde e felicidade, longe de doenças.

 

http://windingwaters.org/wp-content/uploads/2016/04/bz_zones.jpg

 

Uma ilha no Mar Mediterrâneo. Uma no Mar Egeu. Uma no Mar da China Oriental. Uma península na Costa Rica. Uma cidade no Condado de San Bernardino (EUA).

 

O que essas regiões, tão distantes umas das outras, têm em comum? Como e por que vivem tanto, e com tanta qualidade?

 

O segredo é estilo de vida. Essas pessoas vivem uma vida que inclui uma dieta saudável, exercícios diários, e uma vida com pouco estresse, que envolve família, religião (sem nenhuma especificidade), e propósito.

 

Nós nos acostumamos a imaginar que a medicina precisa evoluir muito para que estendamos nossa expectativa de vida, que necessitamos de terapias complexas e modernos equipamentos tecnológicos. Mas a verdade não é essa. A dádiva de uma vida longa e saudável está ao alcance de nossas mãos. Basta a nós escolhermos um estilo de vida mais saudável, e infelizmente estamos fazendo as escolhas erradas.

 

Queremos ter saúde e nos alimentamos mal, dormimos pouco, vivemos agitados e ansiosos, consumimos bebidas alcoólicas em excesso, fumamos. Nosso corpo é uma máquina biológica. É realmente uma surpresa que, ao ser nutrido com os alimentos errados, ele sofra?

 

Queremos ter paz, mas vivemos alucinados com nossos trabalhos, em constante estresse. Queremos sempre mais e mais. Mais responsabilidades, mais reconhecimento, mais dinheiro. Presos eternamente em um paradoxo que, apesar de o termos criado, não temos conhecimento de sua existência.

 

Vivemos cada vez mais conectados com o mundo virtual e desconectados de nós mesmos, dos que amamos. Sabemos mais do que acontece no mundo do que dentro de nossas mentes.

 

Trabalhamos muitas vezes infelizes, pois não fazemos o que mais gostamos. Você já se perguntou que trabalho você faria com prazer e alegria para o resto da vida? Os japoneses já. Inclusive, têm um termo específico para isso: Ikigai, que significa, literalmente, “a razão pela qual você acorda de manhã”.

 

Os indivíduos que estão alcançando 90 anos ou até mesmo 100 anos nas zonas azuis costumam viver uma vida normal, ativa, livre de medicamentos, basicamente uma vida totalmente saudável até o fim de suas vidas.

 

O SEGREDO DA LONGEVIDADE

 

É mesmo verdade que o segredo da longevidade é o estilo de vida? Não é necessária uma pílula mágica? Sorte, ou acaso? Nenhuma tecnologia ultramoderna?

 

Pois é. Não há atalhos para viver uma vida longa e saudável como as pessoas nas Zonas Azuis. Você não pode malhar/correr muito numa segunda-feira e ser sedentário os outros 6 dias da semana. Você não pode dizer que está sendo saudável ao encher de vegetais um pedaço gorduroso de pizza.

 

Viver uma vida longa e saudável não é um mistério. Não é de difícil compreensão. É uma escolha.

 

Qual vai ser a sua?

 

SIMILARIDADES ENTRE AS 5 ZONAS AZUIS

 

Virtualmente ninguém, em nenhuma das cinco zonas, pratica exercícios; pelo menos não da maneira que consideramos os exercícios. Não há SmartFit, nem academias de crossfit, ou esteiras, ou bicicletas de spinning. Ao invés disso, eles estabelecem suas vidas de maneira que elas são constantemente levadas a atividades físicas.

 

Sardenhos moram em casas verticais, sobem e descem as escadas. Cada jornada até a loja, ou a igreja ou a casa de um amigo ocasiona uma caminhada. Eles não tem nenhuma comodidade. Não há nenhum botão para apertar para fazer o trabalho no quintal ou o trabalho doméstico.

 

Muitos plantam seus próprios vegetais e legumes. A agricultura é um trabalho pesado. Lá, fazem isso enquanto precisam comer, o que inclui arar a terra, mesmo com 100 anos de idade. Não é para qualquer um.

 

Não há pressa ou estresse. Quando você vivencia alguma dessas duas coisas, desencadeia uma resposta inflamatória que está associada com várias coisas, da doença de Alzheimer a doenças cardiovasculares.

 

Os japoneses, em Okinawa, possuem um vocabulário específico para o senso de propósito: ikigai. Ikigai é o que faz você levantar todos os dias da cama, preferivelmente feliz, com vontade. Provavelmente não há segundas-feiras entre os japoneses de lá. Ou, se há, não é como aqui. Garfield não poderia viver entre eles.

 

Para os japoneses, os dois anos mais perigosos de sua vida são o ano em que você nasce, por causa da mortalidade infantil, e o ano em que você se aposenta. Essas pessoas conhecem seu senso de propósito, e elas colocam em prática em suas vidas, isso vale alguns anos de expectativa de vida extra. Os sardenhos também desconhecem a aposentadoria.

 

Não há uma dieta da longevidade. Ao invés disso, essas pessoas bebem um pouco todos os dias. Elas tendem a ter uma dieta baseada em vegetais. Não significa que eles não comem carne, mas muitos grãos, castanhas, amêndoas e nozes; vegetais e legumes.

 

Quer saber mais? Fique de olho nos próximos textos, onde iremos analisar, com profundidade, cada uma das 5 zonas azuis.

 

  1. Okinawa, Japão

 

  1. Nuoro, Itália

 

  1. Loma Linda, Califórnia

 

  1. Icária, Grécia
  2. Península Nicoya, Costa Rica

 

Faça um teste (em inglês) para ter uma noção de sua expectativa de vida. Não é uma verdade absoluta, é apenas uma noção. Eu, por exemplo, tenho 64 anos de expectativa com saúde, e 78 anos sem tanta saúde. Se eu mudar meus hábitos, posso chegar até a 95.

 

Se não souber inglês, peça nossa ajuda.

error: Content is protected !!
Visit Us On FacebookVisit Us On Instagram